| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

ENCONTRO MARCADO QUATRO ESTRELAS
Desde: 15/05/2005      Publicadas: 1217      Atualização: 25/10/2007

Capa |  Eventos  |  Fotos  |  Noticias


 Eventos

  17/05/2006
  0 comentário(s)


Homossexuais de todo o mundo celebram hoje o Dia Mundial Contra a Homofobia

Hoje, quarta-feira, dia 17 de maio, homossexuais de todo o mundo celebram o Dia Mundial Contra a Homofobia, comemorado nesse dia por ser a data que marca o aniversário da decisão da Organização Mundial da Saúde (O.M.S.) de retirar a homossexualidade de sua lista de doenças mentais.

Homossexuais de todo o mundo celebram hoje o Dia Mundial Contra a HomofobiaO Dia Mundial Contra a Homofobia, que foi celebrado pela primeira vez no ano passado, surgiu da iniciativa de Louis-Georges Tin, autor do Dictionnaire de l'Homophobie (PUF-2003), e movimentou entidades de luta pelos direitos dos homossexuais de várias partes do globo, como França, Brasil, Canadá, Coréia do Sul, Venezuela, Senegal, Bulgária, entre outras.

Este ano mais movimentos são esperados em todo o mundo nesta data. No Brasil várias atividades estão agendadas para esta quarta em alguns Estados do país. No Rio de Janeiro, por exemplo, o Grupo Atobá realiza às 14h, em frente a Câmara Municipal de Vereadores, na Cinelândia, um ato no qual será divulgada uma "lista negra" com o nome de alguns políticos que já fizeram alguma declaração homofóbica. Entre os citados encontra-se, por exemplo, o ex-governador Anthony Garotinho (foto), do PMDB, e os deputados Bispo Rodrigues, do PL-RJ, Edino Fonseca, do Prona-RJ, e Afanásio Jazadi, do PFL-SP.

Ainda no Rio de Janeiro o Grupo Arco-Iris e o Vereador Edson Santos apresentam o projeto de lei para tornar oficial o dia 17 de maio como o Dia Municipal de Combate a Homofobia na cidade.

Em Belo Horizonte organizações homossexuais se unem para promover uma audiência, às 9h, na Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais, para denunciar os crimes homofóbicos cometidos freqüentemente no Estado. Já às 15h, na Praça Sete, os ativistas fazem um ato público com depoimentos de vítimas da homofobia, e a leitura de uma carta intitulada "Carta de Minas no Combate a Homofobia".

Em Florianópolis (Santa Catarina) acontece nessa quarta-feira a palestra "A Educação e a Diversidade Sexual", promovida na Escola Sindical Sul (Avenida Luiz Boiteux, 4810 - Ponta das Canas) e que tem, segundo seus organizadores, a finalidade de "erradicar a homofobia no ambiente escolar, capacitando professores e funcionários a tratar com respeito e sem discriminação aos alunos homossexuais ou transexuais".

Na cidade de Salvador o Grupo Gay da Bahia (GGB) realiza ato público contra a homofobia às 15h, na Praça da Piedade, localizada no centro.



  Mais notícias da seção Defenda-se no caderno Eventos
18/04/2006 - Defenda-se - Projeto contra homofobia não é votado no Rio por falta de quorum
O Projeto de Lei 2654/05, de autoria do deputado estadual Carlos Minc (PT/RJ - foto), não foi votado nesta quarta-feira, 19/4, por falta de quorum. O projeto amplia direitos da comunidade GLBT e visa garantir direitos para homossexuais e transgêneros, além de combater a homofobia. Minc é um dos fundadores da Frente Parlamentar pela Livre Expressão ...
14/03/2006 - Defenda-se - Beijaço de repúdio à violência contra homossexuais reúne ativistas e casais gays em Ipanema
Aproximadamente cem pessoas compareceram ao "Ato pela Paz, pelos Direitos Humanos e de Repúdio a Violência contra Homossexuais" no último domingo, dia 12 de março, na altura da rua Farme de Amoedo, famoso point gay da praia de Ipanema. ...
05/03/2006 - Defenda-se - Quem é o responsável?
Omissão das vítimas de homofobia dificulta trabalho da polícia e da imprensa Por Ferdinando Martins Um casal gay é agredido. Muita gente viu. Fotos dos agressores circularam na Internet. Os militantes pelos direitos GLBTs ficaram revoltados. A imprensa, no entanto, quase nada comentou. A polícia, por sua vez, não abriu inquérito. Os bandidos con...



Capa |  Eventos  |  Fotos  |  Noticias